5 filmes relacionados ao marketing!

No meio cinematográfico, podemos encontrar diversas produções que nos ensinam muito sobre como o marketing e a propaganda influenciam as pessoas e suas escolhas. Questionamentos interessantes são apontados, despertando inúmeras ideias que podem – e devem – ser usadas no dia a dia de quem trabalha com este segmento.

Pensando nisso, separamos 5 filmes que dialogam com o universo do marketing/publicidade:

 

1 – Amor por contrato (The Joneses)

Este filme mostra uma “família perfeita” que se muda para uma cidade pequena, onde os moradores possuem alto poder aquisitivo, mas são pouco consumistas. Portanto, a missão da família é ganhar popularidade entre os habitantes, tornando-se um referencial do que todos devem ter para serem tão legais quanto eles.

Após ganhar credibilidade e admiração, tudo o que eles usam ganha visibilidade e relevância, facilitando a inserção de novos produtos no mercado local e iniciando um boca a boca mais eficaz que milhares de comerciais!

2 – A onda

Esta produção acontece em um colégio onde o professor Rainer Wenger é colocado para dar aulas sobre autocracia. Após alguns minutos da primeira aula, ele decide, para exemplificar melhor aos alunos, formar um governo fascista dentro da sala de aula. Eles dão o nome de A Onda ao movimento, e escolhem um uniforme e até mesmo uma saudação.

Esse filme ressalta como é fácil, através de argumentos e promessas, manipular a massa. Da mesma forma acontece com a publicidade, o jeito como nos comunicamos com as pessoas tem o poder de convencê-las ou não que as mesmas precisam do que temos a oferecer.

3 – Obrigado por fumar!

Esse longa mostra claramente o poder de persuasão na publicidade. Nick, representante de uma indústria de cigarro nos EUA em um período de crise, possui a habilidade de contornar problemas e mascarar a verdade, ele consegue convencer as pessoas usando a exploração da ambiguidade das palavras e os ângulos do acontecimento.
Existe um ditado que diz: podemos falar mentiras só dizendo verdades! É exatamente dessa propriedade da comunicação que inteligentemente Nick se aproveita, deixando o telespectador dividido entre a indignação e a admiração.

4 – No

Uma das mais realistas em relação ao exercício da publicidade, essa produção do Chile mostra a história que se passa no país quando um plebiscito foi aberto para decidir se a ditadura deveria ou não continuar.

René é o jovem publicitário responsável pela campanha do Não que invadiria as ruas e os televisores durante o horário eleitoral gratuito e travaria uma verdadeira guerra entre as propagandas partidárias obrigatórias.

O filme consegue mostrar como é elaborar um conceito, ter uma ideia boa e trabalhar nela até que se torne a ideal.

5 – Deus não está morto

Um estudante religioso entra em conflito com um professor ateu que só aprova os alunos que professarem que Deus morreu. O interessante deste filme é que ele ressalta a importância da criação de mecanismos para defender uma ideia na hora de apresentar um projeto para o cliente. Mostra, também, como é possível converter as pessoas para que elas comprem a sua ideia e sejam embaixadoras da sua marca.